Docking Station para Disco

A Hard Drive Docking Station, é um periférico que se liga a uma porta de comunicação (por exemplo USB) permitindo ler o conteúdo de um ou vários Discos. É uma boa alternativa para quem possui vários Discos com ficheiros, bastando colocar o Disco na Dock Station na qual poderá efetuar todas as operações que faz com um Disco Externo

Análise a uma Hard Drive Docking Station

Vamos analisar rapidamente uma Hard Drive Docking Station. No presente caso, permite Discos IDE e SATA de 2,5" ou 3,5" e a comunicação com o Computador é efetuada através de uma porta USB 3.0

Hard Drive Dock Station - Vista Frontal e Traseira

No caso desta Docking Station, o Disco SATA não necessita de qualquer ligação, bastando colocá-lo no local indicado. O Disco IDE terá de ser ligado na traseira.

Hard Drive Docking Station - Disco SATA e Disco IDE Ligados

Algumas Tecnologias de HD Docking Stations

 

Para 4 Discos SATA de 2,5" ou 3,5". Coneções USB 3.0 e e-SATA

Hard Drive Docking Station - 4 discos SATA, e-SATA, USB 3.0

 

 

Para 2 Discos SATA de 2,5" ou 3,5", com 2 portas USB (pode ligar Pen Disk) e Leitor de Cartões. Coneções USB 3.0 e e-SATA.

Hard Drive Docking Station - 2 Discos SATA de 2.5" ou 3.5", ligações USB 3.0 e e-SATA

Para 1 Disco SATA de 2,5" ou 3,5". Media Server e respetivo Software. Coneções Rede Gigabit e USB 3.0

Hard Disk Docking Station - 1 Disco SATA de 2.5" ou 3.5", Media Server e respetivo Software, Coneções Rede Gigabit e USB 3.0

 

 

Hard Drive Docking Station Interna. Para 2 Discos IDE ou SATA. Para ligar a uma porta SATA e a uma Porta IDE da Motherboard do Computador. Tem a vantagem de ser mais rápida, pois está ligada diretamente ao respetivo BUS da Motherboard

Hard Drive Dock Station Interna - para discos de 2.5" ou 3.5", IDE ou SATA. Liga-se a uma porta SATA e IDE da Motherboard

 

 

Resumindo, as combinações possíveis de tecnologias nestes equipamentos, são variadas. Como tal se pretender adquirir um dispositivo de Hard Drive Docking Station, deverá ponderar sobre:

  • Dispositivos de armazenamento - existem Dock Stations que permitem Discos IDE e SATA, além de dispositivos USB (pen Disk, disco externo, por exemplo) e leitores de cartões.
  • Servidor de Dados - existem Dock Stations que permitem Media Server e NAS, tendo o respetivo software incluído. Em relação ao Media Server e NAS, na minha opinião não será muito correto para quem pretenda utilizar RAID, o que não é permitido nas Dock Stations.
  • Conetividade - existe o USB 2.0 ou 3.0, Firewire, e-SATA e Rede 10/100 ou Gigabit (10/100/1000).
  • Interna ou Externa - As mais rápidas são as internas, pois são ligadas diretamente ao BUS (SATA, ou IDE ou ambos) da Motherboard, não existindo dispositivos de comunicação intermédios. Como as Motherboards atuais muito raramente têm Slots IDE, terá de adquirir uma Dock Station que não tenha Porta IDE, ou comprar um adaptador IDE para colocar na Motherboard (num dos Slots PCI ou PCI-Express). Veja um exemplo na Figura seguinte.

Adaptador PCI-Express para ligação de Dispositivo IDE

 

Existem Caixas para Computador que têm uma Dock Station embutida, como a da figura abaixo.

Caixas com Hard Drive Dock Station Pre Montadas

Tem como vantagem de ser mais barata, mas como inconvenientes se avariar terá de encontrar um exatamente igual (ou com as mesmas dimensões. Outro inconveniente é que a Dock Station poderá não ter as Tecnologias de Disco que pretende (neste caso, as restantes tecnologias não interessam). Por conseguinte analise as suas preferências e analise se a referida as tem, antes de adquirir a caixa.

 

Topo da Página

Autor: José JR Crispim
Publicado em: Junho de 2013

Nota: se verificar alguma incorreção no presente artigo ou pretender acrescentar algo mais, pode enviar-me um e-Mail. Publicarei a correção e colocarei o autor da mesma.

Fechar Janela